Pleno Ilimitado

Eu me dilui, me dissolvi e quando nada restou, o todo surgiu. Conexão mais profunda não há pois o ser é simplesmente tudo. Sou potência astronômica em vazio indefinível de um nada poderoso que se expressa em vida, em força que tudo constitui e se dilui! Não há palavras para esta experiência. Morte e nascimento tornam-se irrelevantes na onisciência e onipresença que somos!

No entrelaçamento de almas e suas respectivas projeções corpóreas, um imenso uno se faz presente e não admite ego ou separatividade de quaisquer espécie, gênero e forma.

A Ilusão consiste em querer ter e em querer Ser por não se admitir que já É! 

Viva-se, seja o seu pleno e ilimitado que sempre foi e tudo, absolutamente tudo, será conforme creste.

Namastê!

Gilberto Lima Jr Internacionalista, meditador, empreendedor dos segmentos de Inteligência Artificial, Automação, Blockchain e Biotecnologia glima06@gmail.com

Voltar

Compartilhe com seus amigos

2 Comentario(s)

Patrícia Mendes disse:

Belo!!!

WILLIAN VARELLA FIGUEIREDO disse:

Lindo. Leve e solto!

Comente esta publicação:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Jornadas de Conhecimento