A viagem interior

Eu sou roteirista, contadora de histórias e preciso viajar muito para filmar e inspirar meus roteiros.

Acabo de voltar de uma cidade medieval em Portugal, onde visitei o Castelo dos Templários de Cristo e a esquina da coexistência, aonde existe a primeira sinagoga da Europa, única construída sobre os pilares das quatro matriarcas Sara, Rebeca, Raquel e Léa.

Ali também mouros, judeus e cristãos coexistiam muito felizes até a inquisição.

Tudo pra contar pra vocês que, no dia que fui visitar o Castelo de 1100 DC, encontrei uma brasileira e a sororidade feminina foi imediata, já aconteceu com vocês de reconhecerem uma pessoa ou lugar que nunca estiveram antes?

Eu estava com muita saudade dos meus três filhos e do meu marido, que estavam na Bahia sem mim, depois do encontro com a Márcia naquele castelo, comecei a escrever sobre as Sacerdotisas Elementares, mulheres como nós que se complementam em seus elementos essenciais: Fogo, Água, Ar e Terra e juntos formam a unicidade do poderoso sagrado feminino.

Todos nós, independente de gênero temos esses elementos, e temos esse sagrado feminino ardendo em nós. 

Quando equilibrado e bem compartilhado em uma rede como esta, podemos reconhecer ainda mais a nossa felicidade complementar.

Você sabe quais são os elementos que mais vibram em você e quais faltam? 

Deixo uma dica de música para compartilharmos esse caminho:

Não Hesitava nem um Segundo de Ana Moura.

Afinal, caminhante não há caminho, se faz caminho ao caminhar.

Yael Steiner Empreendedora cultural e cineasta, acredita no engajamento das narrativas que curam yaelsteiner1@gmail.com

Voltar

Compartilhe com seus amigos

2 Comentario(s)

Roseneide disse:

gostei muito

Rafael Farias disse:

Viagem interior, uma viagem isnsólita !!…kkk
É só assistir o filme !!

Comente esta publicação:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

PETs