Dia das Crianças

Hoje (12/10) é dia das crianças e tenho certeza que todos tem ótimas lembranças de suas infâncias. Eu tenho tantas! Será que dá pra me reconhecer nessa foto? A gente tem que continuar pra sempre com a essência da criança dentro de nós!

Quando eu era criança, meu maior prazer era poder ir na banca de jornal comprar gibis. Todo pouco dinheiro que eu conseguia, eu gastava em gibis. Nunca comprei um brinquedo ou uma boneca. Nunca me interessei por um batom, um esmalte, roupa, sandália ou perfume. Coisas de menina. Lembro até de uma pulseira de contas que eu fiquei louca pra comprar, mas na última hora optei por gastar a grana em gibis. Lia todos. Muitas vezes. Humor, suspense, terror, crimes, super heróis, eu adorava as histórias em quadrinhos mais do que qualquer outra coisa que eu possa lembrar. Fora os animais, claro, por quem eu era absolutamente apaixonada.

Passei a infância lendo gibis e cuidando dos bichinhos que eu achava na rua. Mais tarde vieram os livros e me fascinaram. E o cinema, que me transportou para um novo mundo. De lá pra cá meu universo aumentou e fui descobrindo e amando tantas outras coisas. Mas a base do que amo permanece. E era louca pela natureza, o mar, a mata, o jardim. Tardes no parque enchendo os bolsos de liquens e andando no meio das flores. Às vezes guardava um pouquinho pra comprar um sorvete. Uma tarde de verão, debaixo de uma árvore, um picolé de manga e um gibi eram a perfeita combinação da felicidade completa. Não mudei muito.

Voltar

Compartilhe com seus amigos

1 Comentario(s)

Nataly Haddad disse:

Nossa que singeleza! Impossível imaginar uma infância mais bonita! Precisamos lembrar dessa simplicidade para sermos felizes! Precisamos de tão pouco, e buscamos demais onde não achamos o que realmente nos preenche! 🙏🏻Obrigada!

Comente esta publicação:

O seu endereço de e-mail não será publicado.