As rugas do tempo

Você já parou para pensar nessa mágica que existe quando uma planta rompe a terra vencendo a gravidade para crescer?

A planta cresce fazendo movimento! Nossa condição primordial também é o movimento: nossos pulmões e coração vão dando o ritmo e a nossa respiração faz com que os nossos sentimentos se equilibrem e se adequem ao nosso corpo! Logo a cura para qualquer enfermidade está dentro da gente mesmo. Não precisamos saber se há vida após a morte, mas sim, se há vida antes da morte, esse é o segredo!

As rugas que aparecem em nosso rosto simbolizam as marcas da vida. Cada linha do seu rosto tem sua história na sua mente. Quanto mais achamos a vida cansativa, mais linhas aparecerão no rosto e quanto mais vemos o mundo envelhecer, mais envelhecemos.

Você sabia que cada marca no seu rosto possui um significado e que há muito tempo essas marcas eram usadas para fazer um diagnóstico de saúde? Era isso que o Boshin, um chinês, fazia e hoje nós vamos fazer juntos essa avaliação de algumas rugas da face e compreender mais o que está acontecendo com você.

Vamos começar pelas rugas glabelares, essas entre as sobrancelhas? Essas rugas estão relacionadas ao fígado. Vincos verticais nesta região aparecem quando há uma sobrecarga neste órgão. É importante saber que o fígado é o nosso órgão desintoxicador por excelência, sendo que ele pode estar sobrecarregado por excesso de consumo de gorduras, encontradas nos alimentos fritos, carnes vermelhas e embutidos, excesso de consumo de bebidas alcoólicas ou com uso frequente de alguns medicamentos.

E o código de barras, essas rugas que aparecem nos lábios? O lábio superior e toda a mucosa da boca são relacionados ao estômago. O estômago está relacionado à preocupação ou tensão mental. Quando estamos muito preocupados ou tensos, o estômago pode ser afetado, a digestão fica mais lenta, temos azia, refluxo, podemos até mesmo desenvolver uma gastrite, que inclusive é chamada de gastrite nervosa.

É importante treinar, tirar a força excessiva dessa musculatura na hora de falar, mastigar e engolir. Entender que quanto maior for o estado de presença, melhor será a nossa digestão.

E as rugas na região da testa? Nossa região frontal está relacionada aos intestinos. Quem fala com a testa coloca muita energia no músculo frontal. Geralmente são pessoas que possuem a síndrome do pensamento acelerado, pensam demais! Raramente estão no momento presente, ou estão pensando no passado ou no futuro. O intestino é muito importante para absorção dos minerais e vitaminas.

Bochechas muito flácidas indicam pulmões desequilibrados com maior vulnerabilidade a gripes, resfriados e bronquites. Os pulmões também estão relacionados à melancolia e tristeza.

E quando as pálpebras ficam inchadas? Isso pode indicar um desequilíbrio no baço e no pâncreas que pode estar relacionado a um consumo excessivo de açúcar. Esse inchaço é observado com frequência nos diabéticos. Quando acordamos com as pálpebras inchadas, provavelmente, no dia anterior, ingerimos muitos alimentos doces, como sobremesas ou alimentos com alto índice glicêmico, que rapidamente se tornam açúcar ao serem digeridos. O baço e o pâncreas estão relacionados à preocupação excessiva, à atitude de pensar demais e estar preso a ciclos repetitivos do pensamento. Por exemplo, no diabético, a glicose no sangue pode subir diante de preocupações excessivas, mesmo sem a ingestão de açúcar ou de alimentos com alto índice glicêmico. O baço e o pâncreas saudáveis nos proporcionam a capacidade de desenvolver a análise e a concentração.

Bolsas e olheiras indicam um desequilíbrio nos rins. Nesses casos é importante tomar bastante água, diminuir o consumo de sal e relaxar, pois o estresse provocado pelo excesso de atividade afeta bastante esses órgãos. Da mesma maneira dormir pouco afeta os rins e consequentemente causa olheiras. Os rins estão relacionados ao medo e a desconfiança. Assim quando os rins estão em desequilíbrio podemos nos tornar mais medrosos e desconfiados, mas também quando vivenciamos uma situação em que sentimos muito medo isso pode interferir no equilíbrio renal. Por exemplo, se passamos por uma situação de violência nossos rins também são afetados por essa violência.

É importante dizer as pessoas as coisas boas que sentimos a respeito delas para que elas possam ouvir isso de alguém. Expressar nossos sentimentos ao outro com palavras é essencial para o equilíbrio dos rins e gera confiança.

Acredito que não devemos tratar as rugas na pele apenas com manobras superficiais, mas também, e principalmente, devemos cuidar do órgão relacionado, melhorando ao mesmo tempo nossa aparência e nossa saúde.

A estética é consequência da nossa saúde, por isso tratar do envelhecimento facial apenas com procedimentos “estéticos” é como tratar só o sintoma, sendo que a causa está em outro lugar.

Seu corpo é inteligente e sabe quem você é. Perceba o quanto é natural acreditar que os nossos corpos não estão voltados contra nós, mas eles desejam exatamente o que nós desejamos. A natureza criou a gente à sua imagem e por isso somos organizados e completos para nos recuperarmos com a energia vital. O que destrói o que a natureza cria com perfeição é a nossa própria mente.

A nossa mente oculta, nosso subconsciente, capta as informações do consciente de uma forma objetiva e não possui capacidade de interpretação, ele simplesmente registra o que pensamos, de maneira fiel. Assim todos os órgãos e músculos involuntários são regidos por essa mente interna e passam a reagir conforme a ordem enviada ao subconsciente.

O que pensamos e a maneira como pensamos pode ser instrumento para a gente produzir a saúde e a beleza.

Você não quer ter rugas? Então não permita que emoções pesadas entrem em você, porque elas farão você tensionar os músculos do rosto sem que você perceba.

Caroline Lamin El’Saman Criadora do Método de Rejuvenescimento Quântico Fonoaudióga Especialista em Motricidade Orofacial e Fonoaudiologia Estética @avidaquantica
Voltar

Compartilhe com seus amigos

6 Comentario(s)

Letícia Pinto disse:

Adorei!!
Maravilhoso!
Fiquei feliz em poder entender e poder aproveitar tantas coisas boas

Célia Golla disse:

Adorei! Muito esclarecedora, ficarei atenta, obrigada por compartilhar.

Saudável. disse:

Muito interessante; Até então, não havia lido algo sobre a beleza ,na ótica apresentada. Bem inovador e bem melhor ,enquanto visão aprofundada e saudável.

Helenita Bretas disse:

Muito bom e importante. Informações muito importantes, exque passam totalmente despercebidos.

WILLIAN VARELLA FIGUEIREDO disse:

Amei! Muito obrigado por todo o esclarecimento.

Comente esta publicação:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Alimentação